Enólogo

Enólogo: saiba mais sobre essa profissão

Você sabe o que faz o enólogo? Completamente relacionada ao universo dos vinhos, a profissão fascina muitos apreciadores da bebida ao redor do mundo.

Porém, nem todo mundo sabe quais são as atribuições desse profissional e o que é preciso fazer para se tornar um.

Se você se enquadra nesse grupo de pessoas, esse é o artigo certo para você! Hoje, vamos falar sobre o que faz esse tipo de profissional, onde ele pode trabalhar e até mesmo o que você precisa estudar caso queira se tornar um enólogo!

Então, não deixe de ler até o final para se tornar um especialista no assunto. Vamos começar?

O que é um enólogo?

O que é um enólogo

A palavra enólogo é caracterizada pelo radical “eno”, que significa vinho. Já o final da palavra, “logo” (de “logia), significa o estudo de uma arte ou ciência. Dessa forma, enologia seria, basicamente, o estudo do vinho.

Sendo assim, o enólogo é o profissional que estuda e cuida do processo de fabricação dos vinhos. Ele é conhecido por entender a fabricação de ponta a ponta, identificando as melhores oportunidades para criar bebidas únicas no mundo.

Isso significa que ele é, geralmente, a pessoa responsável por todas as etapas desse processo de fabricação. Ou seja, o enólogo:

  • Planeja;
  • Supervisiona e;
  • Coordena toda a produção de acordo com as castas selecionadas das uvas.

Desde o cultivo das uvas, até o engarrafamento e posterior comercialização das garrafas de vinho, tudo o que acontece no período de fabricação é fruto dos estudos do enólogo!

Para que você tenha referência, o Émile Peynaud é conhecido como o pai da enologia. Isso porque ele conseguiu revolucionar o modelo de produção de vinhos ao redor do globo.

A profissão foi regulamentada na França em 1955, tornando obrigatória a obtenção de um Diploma Nacional de Enólogo para que as atribuições pudessem ser cumpridas.

No Brasil, isso demorou um pouquinho mais: a profissão só foi regulamentada em 2007, por meio da lei nº11476.

Onde trabalha esse profissional?

Onde trabalha o enólogo?

Agora que você já teve uma visão geral da profissão, vamos falar sobre suas atribuições e mercado de trabalho. Quando pensamos em grandes vinícolas, identificamos o trabalho desse profissional como o controle de qualidade das bebidas.

Como o enólogo é especialista em todos os tipos de vinhos, ele pode trabalhar em basicamente qualquer vinícola. Porém, é comum que esses profissionais se especializem em alguma casta ou tipo de vinho. Dessa forma, seu trabalho fica ainda mais profissional.

Não é muito claro o que é função do produtor e o que é função do enólogo. Afinal, como mencionamos acima, esse profissional pode ser responsável por todas as etapas de fabricação do vinho para garantir a sua qualidade.

Além disso, também é possível atuar na área de pesquisa e desenvolvimento de novos vinhos.

Vale ressaltar ainda que essa é uma profissão em ascensão no mundo todo. Afinal, é cada vez maior o número de pessoas que se apaixonam pelos vinhos. Logo, a demanda pela fabricação é muito grande, exigindo novos profissionais no mercado todos os dias!

O que preciso estudar para ser um enólogo?

A primeira coisa que você precisa para se tornar um enólogo é o diploma de curso superior, que pode ser um bacharelado ou tecnólogo. Um bom exemplo de faculdade que oferece o curso bacharelado é a Unipampa (Universidade Federal do Pampa), no Rio Grande do Sul.

Os cursos na modalidade tecnólogo são mais comuns. Portanto, vale a pena pesquisar sobre a oferta em sua cidade. Com ambos os diplomas, já é possível exercer a profissão.

Quem gostaria de trabalhar na área de pesquisa pode investir em uma pós-graduação. Nesse caso, a profissão do enólogo se mescla com áreas como a biologia e agronomia.

Ao longo do curso, você vai estudar algumas coisas, como:

  • Ciência e tecnologia relacionada ao vinho;
  • Microbiologia;
  • Química da bebida;
  • Engenharia da adega;
  • Produção de uvas de qualidade;
  • Metodologias de cultivo e colheita e muito mais!

Além disso, você também passará por uma das etapas mais deliciosas do curso: as avaliações sensoriais para compreender a teoria da qualidade do vinho.

Portanto, antes de decidir se você quer mesmo ser um enólogo, saiba que será preciso muito estudo para se tornar um bom profissional. Porém, acredite: essa é uma profissão muito satisfatória e com ampla oferta no mercado de trabalho!

Qual a diferença entre sommelier e enólogo?

Diferença entre sommelier e enólogo

É muito comum que as pessoas confundam o trabalho do sommelier com o enólogo. Apesar de ambas serem relacionadas ao vinho, é importante compreender quais são as diferenças entre si.

Como você viu ao longo desse artigo, o enólogo é o profissional que participa de todo o processo de fabricação de vinhos. Ele é, sim, especialista na bebida, mas podemos dizer que é aquele com a “mão na massa”. Afinal, ele atua diretamente na vinícola e conhece o processo de produção de ponta a ponta.

Enquanto isso, o sommelier é o profissional especialista na degustação e harmonização não apenas de vinho, mas também de outros tipos de bebida. Com isso, ele se torna responsável pelo desenvolvimento da carta de vinhos de um restaurante a as harmonizações do cardápio, por exemplo.

Esse tipo de profissional pode atuar como consultor pessoal, em eventos, hotéis, grandes redes de restaurantes, enfim. Basicamente, o seu trabalho é combinar o gosto do cliente com determinados pratos, considerando vinhos, espumantes, cervejas e destilados.

Assim como o enólogo, o sommelier também precisa de uma formação específica para exercer suas atribuições. Porém, o seu trabalho acontece após a fabricação.

É justamente por isso que costuma-se dizer que o trabalho do sommelier começa quando o do enólogo acaba!

Ufa! São tantas informações sobre essa profissão que você deve ter novas perguntas sobre os primeiros passos para se tornar um enólogo bem-sucedido, não é mesmo? Então, que tal começar a pesquisar sobre os cursos disponíveis para que você possa seguir essa carreira tão deliciosa?

Para iniciar sua caminhada nessa profissão, seria interessante você fazer algum cursinho sobre vinhos somente para você se inteirar um pouco sobre o assunto. Assim, você terá uma base para procurar uma graduação, pós ou até mesmo um tecnólogo.

Aqui no nosso site pesquisamos os 4 melhores cursos online sobre vinhos. Clique aqui e dê uma olhada!

Caso queira tirar dúvidas ou compartilhar sua experiência conosco, deixe um comentário no espaço abaixo. Aproveite também para compartilhar o artigo em todas as suas páginas nas redes sociais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *